“Quem ama é generoso”. É nesta reflexão que a Arquidiocese envolve equipes, pastorais e movimentos durante o mês de julho, mês dedicado ao Dízimo nas paróquias e comunidades.

O material da campanha deste ano está muito bonito e alegre. O Alegrito (nome que as crianças da catequese deram ao mascote do dízimo) dialoga sobre o dízimo e sua importância para a vida da Igreja, o folder veio no formato da mão do Alegrito com a chamada da Campanha ‘Deus é 100%’, e todos estão convidados a fazer fotos para um concurso de criatividade que vale um celular. As equipes podem abusar da criatividade para desenvolver as atividades e envolver todos.

Responsáveis pela evangelização, os fiéis contribuem com o Dízimo para que a Igreja se mantenha viva e atuante em sua missão. A Igreja não define valores ou percentuais, no caso do dízimo o critério é que parte do salário ou da renda vou separar para isso? Essa definição deve ser feita pelo dizimista, segundo a sua possibilidade e generosidade. De um lado temos o nosso Deus que se entrega totalmente e do outro estamos nós, que lhe retribuímos com alguma parte por tudo que recebemos.